segunda-feira, 31 de agosto de 2015

EUNÍCIO: "SENADO NÃO VAI APROVAR JANELA"

Eunício condena predadores de partidos e rechaça janela partidária

O presidente da Executiva Regional do PMDB, Eunício Oliveira, disse, nesta segunda-feira (31/08), em entrevista ao Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Expresso Som Grnade Fortaleza + 20 emissoras no Interior), que o Senado não aprovará a janela partidária, o que permitiria a atuais vereadores, deputados estaduais e deputados federais trocarem de partido sem ameaça de perda de mandatos. Eunício condenou os chamados predadores de partidos que, às vésperas de anos eleitorais, trocam de siglas.

Sem a janela, porém, os parlamentares poderão ter mandatos questionados pelo Ministério Público Eleitoral e pelos próprios suplentes. Eunício garantiu que o PMDB não irá pedir na Justiça o mandato dos parlamentares eleitos em 2012 e 2014, mas os suplentes interessados diretamente poderão fazê-lo. ‘’Eu jamais vou tomar mandato de alguém’’, afirmou o peemedebista.

Na entrevista aos jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida, o senador Eunício Oliveira disse desconhecer a saída dos deputados federais Danilo Forte e Victor Valim. Revelou ter recebido com surpresas a notícia sobre o possível desligamento de Danilo Forte e quanto a Victor Valim disse que há poucos dias esteve com o parlamentar e nada sobre mudança partidária entrou na conversa.

Eunício disse, ainda, que Victor é um potencial candidato à Prefeitura de Fortaleza e não afirmou não saber a origem dessas especulações. Você pode acompanhar a entrevista do senador Eunício Oliveira na íntegra acessando o link abaixo:

sábado, 29 de agosto de 2015

MUDANÇA


PSB quer oxigenar a política cearense com a entrada de Danilo e Heitor Férrer

Parlamentares cearenses foram recebidos pela direção nacional da legenda em Brasília.






Em encontro com a direção nacional e estadual do PSB nesta sexta-feira, 28, em Brasília, o deputado federal Danilo Forte anunciou que está de saída da sua atual legenda, o PMDB, e pronto para se filiar ao Partido Socialista Brasileiro. “Eu acho que isso vai ser bom, inclusive, para oxigenar a política cearense”, disse.

De acordo com o parlamentar cearense, faltam apenas questões burocráticas para ele se filiar ao partido do ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, falecido em agosto de 2014 num trágico acidente aéreo que comoveu o País. Reunido com Carlos Siqueira e Sérgio Novais, responsáveis pelos diretórios nacional e estadual dos socialistas, Danilo Forte mostra confiança, ainda, na filiação do deputado estadual Heitor Férrer a legenda. Férrer participou da reunião onde recebeu o convite oficial do PSB.

“(Faltam apenas) as questões burocráticas. Temos que construir o desligamento com os partidos de forma saudável para que não haja, inclusive, depois nenhum se não ou algum questionamento do ponto de vista de perseguição. Eu não acredito que nem PMDB, nem PDT, que têm toda compromisso democrático vão querer buscar ou macular uma transição democrática como essa, buscando questionar juridicamente algum princípio que possa ferir a questão da mudança partidária”, falou Danilo.

“Isso será construído com muito diálogo. Até porque a política é, como já dizia o Gonzaga Mota (ex-governador do Ceará na década de 80), dinâmica. Ela pode separar e pode juntar. Então eu acho que por isso mesmo a gente não pode atropelar os fatos. E a gente chega num partido que tem uma história consolidada, que tem um perfil de retidão com a história do Brasil, que tem uma projeção e um projeto de futuro progressista no que diz respeito às relações sociais e democráticas e participativas”, complementou.

Danilo forte afirmou também que um dos motivos que fizeram está de saída do PMDB rumo ao PSB foi a luta de formar um partido tem como intuito aprofundar o processo de democratização “e romper com este sentimento patrimonialista e oligárquico que a grande maioria que os partidos têm”.

Chegada de Heitor Férrer 
 
“A companhia do Heitor é uma companhia saudável, saudabilíssima pela história que ele teve a vida toda tanto como vereador de Fortaleza, como deputado estadual. Sem sombras de dúvidas um dos melhores quadros da política do Estado do Ceará. E nesta companhia a gente vai ter condições de caminhar bem pelo Estado do Ceará e se Deus quiser formar um grande partido”, emendou.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

EUNÍCIO VOLTA AO INTERIOR PARA ENCONTROS DO PMDB

Eunício volta ao Interior para encontros do PMDB

O PMDB definiu, para o dia 12 de setembro, em Sobral, a retomada dos encontros regionais que o partido vem realizando desde o início deste ano na Região Metropolitana de Fortaleza e cidades do Interior. As reuniões marcam a estratégia definida pelo presidente da Executiva Regional, senador Eunício Oliveira, para o PMDB receber novos filiados e se fortalecer nas eleições de 2016.

Eunício que, em 2014, disputou o segundo turno da eleição ao Governo do Estado, quer ampliar bases do PMDB no interior, com a eleição de prefeitos e vereadores no próximo ano, como preparativos para o pleito de 2018. Sobral, que tem o quarto maior eleitorado do Ceará, ficando atrás de Fortaleza, Juazeiro do Norte e Caucaia, é considerada uma cidade estratégica para os projetos do PMDB.

O partido tem como principal liderança local o empresário do ramo de educação e professor Oscar Rodrigues. A cidade tem outra simbologia: é berço do poder político dos irmãos Cid e Ciro Gomes – ferrenhos adversários de Eunício Oliveira. O grupo controla a Prefeitura desde 1997 quando o então deputado estadual Cid Gomes ganhou a eleição, sendo sucedido pelo hoje deputado federal Leônidas Cristino (PROS) e pelo atual prefeito Veveu Arruda (PT). Em 2016, o PMDB poderá disputar a prefeitura com o professor Oscar Rodrigues, que é o pai do deputado federal Moses Rodrigues (PPS).

GOVERNO FEDERAL ANUNCIA QUE IRÁ CORTAR DEZ MINISTÉRIOS ATÉ SETEMBRO

Governo federal anuncia que irá cortar dez ministérios até setembro

O governo federal estuda cortar dez dos 39 ministérios até setembro, segundo anunciou o ministro Nelson Barbosa (Planejamento) nesta segunda-feira (24). 

De acordo com o ministro, o corte faz parte de uma reforma administrativa que envolve ainda a redução de cargos comissionados e secretarias para melhorar a "gestão pública". 

Atualmente, o número de cargos comissionados é de cerca de 22 mil pessoas. 

"Até o fim de setembro vamos apresentar uma proposta de reforma administrativa", afirmou Barbosa após reunião da coordenação política do governo, comandada pela presidente Dilma Rousseff. 

Apesar do anúncio de cortes, o ministro afirmou que o governo ainda não decidiu quais serão os ministérios cortados. "Há várias propostas em estudo", declarou.

domingo, 23 de agosto de 2015

ARTICULAÇÃO POLÍTICA NO PLANALTO

Preocupação no Planalto com possível saída de Temer da articulação política

Auxiliares mais próximos da presidente Dilma Rousseff já demonstram grande preocupação com a decisão do vice-presidente Michel Temer de deixar a articulação política do governo.

Dilma deve fazer um gesto nos próximos dias. Deve dizer para o próprio vice que ele é fundamental para a governabilidade e que não existe qualquer desconforto na relação. Mais do que isso: a presidente deve reafirmar que está satisfeita com o desempenho de Temer.

Mas assessores palacianos temem que a essa altura do campeonato isso não seja mais suficiente para manter o vice na função de articulador político.

Como antecipou o blog na quarta-feira, Temer fez um desabafo para aliados de que sua missão na articulação política tinha chegado ao fim. Ele está insatisfeito com o fato de ser boicotado constantemente pela Casa Civil e pelo Ministério da Fazenda. Em outras palavras: os cargos e emendas prometidos por Temer aos aliados não saíram do papel. O vice-presidente não aceita mais assumir esse desgaste.

A preocupação no Palácio do Planalto não é só com a saída de Temer, mas, principalmente, com os reflexos dessa saída. O temor é que isso possa provocar uma debandada do PMDB da base aliada, principalmente na Câmara. Isso enfraqueceria muito a situação política de Dilma, que já é extremamente delicada.

CIRO SERÁ O PRINCIPAL ANIMADOR DO PARTIDO


Ciro será o principal animador do partido



O ingresso do grupo liderado por Cid e Ciro Gomes ao PDT está definido, não mais apenas pelo desejo de sair do PROS por discordar de posições adotadas pela direção nacional da agremiação, como era anunciado.
 
A mea-culpa feita pelo presidente Eurípedes Júnior, nos últimos encontros com o pessoal do Ceará, foi acompanhada do compromisso de atender a todos os pleitos dos cearenses de modo a mantê-los no partido. De fato, a migração para o PDT será feita em razão do compromisso de os pedetistas bancarem a candidatura presidencial de Ciro Gomes em 2018, mas o PROS vai continuar com tentáculos por aqui, com chances de permanecer um liderado de Cid no seu comando.
A filiação de Ciro Gomes ao PDT, do modo como foi acertada, produzirá seus efeitos na política do Ceará só mesmo na disputa estadual de 2018. Mesmo colocando-o na cena nacional logo nas eleições municipais do próximo ano quando, por imperativo do seu próprio projeto de chegar à Presidência da República, terá de participar de campanhas nos grandes municípios brasileiros, com ênfase nas capitais, onde tenha um pedetista querendo ser prefeito, sem esquecer, evidente, de Fortaleza. Cid, contudo, vai ser o âncora em todo o Estado.

Impacto

Candidato a presidente da República, como das duas outras vezes, Ciro Gomes, por certo, será o majoritário no Estado, por conseguinte, com forte influência sobre o sucesso eleitoral dos candidatos a governador e senadores da sua aliança. E quem serão eles naquela oportunidade? Camilo Santana disputando a reeleição com Cid Gomes e Mauro Filho para o Senado? E Camilo abdica do PT para formar a dobradinha com Ciro, posto ser certo ter o seu partido um candidato próprio à sucessão da presidente Dilma, podendo ser o próprio Lula esse nome? A preferência para liderar a chapa estadual é dele, mas ele terá que mensurar as consequências do custo político a ser tomado.

São inúmeras as perguntas feitas já a partir de agora, no universo de elucubrações dos políticos cearenses, mesmo sendo outra a conversa jogada fora, para camuflar o impacto gerado com o anúncio da pretensa postulação presidencial do primogênito dos irmãos Ferreira Gomes, estimulada pela direção nacional do PDT, agremiação carente de assumir um projeto nacional, posto estar divorciada da linha de frente das disputas do cargo político maior da Nação, como protagonista, desde a morte do seu fundador e principal líder, Leonel Brizola, ex-governador dos estados do Rio Grande do Sul e do Rio de Janeiro.

Espaços

As conversas entre a direção nacional do PDT e Ciro estão fechadas. Os discursos programados para o momento final, “quando setembro vier” não estão diretamente ligados a uma candidatura presidencial. Assumir essa postura não é conveniente, agora, sobretudo para o cearense, mas os pronunciamentos não ficarão tão ao largo da meta presidencial.

Ciro passa a ser, a partir do ato solene da filiação, um animador das bases partidárias, exercitando a sua verve e os conhecimentos acumulados sobre a administração pública, como prefeito, governador, secretário estadual e duas vezes ministro de Estado, ganhando os espaços nacionais hoje concentrados entre alguns governistas e uns poucos oposicionistas como o senador Aécio Neves e a ex-senadora Marina Silva, ambos candidatos a presidente no pleito anterior, passado, passando pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, conterrâneo de Ciro Gomes, pois ambos nasceram na cidade paulista de Pindamonhangaba.

Migração

Embora o projeto seja o de uma adesão em bloco, há resistência de alguns deputados e vereadores que cobram segurança jurídica para seus mandatos, temendo as consequências da legislação pertinente quanto à troca de partidos, sem justa causa, dos detentores de mandatos legislativos.

Os dirigentes do PROS teriam garantido não importunar quem saia da agremiação, mas os suplentes e os representantes do Ministério Público podem requerer a perda dos mandatos de todos considerados infiéis. A saída para esses reticentes quanto à mudança de sigla é apostar numa norma legal, criada pela Reforma Política em discussão no Congresso Nacional, denominada de “janela”, para a migração se dar com tranquilidade.

O deputado José Albuquerque, o mais afinado com a direção nacional do PROS, e responsável por toda a negociação para permitir que o grupo ficasse no partido, administra um entendimento para um dos aliados continuar dirigindo o diretório da sigla no Ceará, facilitando a permanência de alguns dos detentores de mandatos, além de correligionários do Interior onde seja difícil a convivência com os filiados ao PDT.

Outros

Integrantes do grupo de Cid, hoje em outras agremiações, como o PSD e outras, também podem se filiar ao PDT. Os deputados estaduais Leonardo Pinheiro, Osmar Baquit, Lucílvio Girão, Gony Arruda, Júlio César e Professor Teodoro, são alguns dos que aguardam apenas a decisão do chefe para se desligarem de seus partidos, onde estão, por acomodação feita antes das últimas eleições estaduais. Com eles, naturalmente, iriam lideranças municipais, incluindo prefeito e vereadores, mudando, consequentemente, o mapa político do Estado em 2016.

sábado, 22 de agosto de 2015

LULA TENTA CONVERCER JOSÉ DIRCEU A SE DESFILIAR DO PT

Lula tenta convencer José Dirceu a se desfiliar do PT

O ex-presidente Lula tenta convencer o ex-ministro José Dirceu, preso na Operação Lava-Jato, a se desfiliar do PT, para tentar diminuir o desgaste do partido e do governo por eventual condenação do petista pela corrupção na Petrobras. Apesar do mal-estar no PT com as acusações de enriquecimento pessoal, Dirceu ainda tem força no partido que ajudou a fundar. O temor de dirigentes petistas é que eventual processo de expulsão de Dirceu seja rejeitado pela Comissão de Ética ou pelo Diretório Nacional, aumentando o desgaste da legenda.

‘’Se o Zé gosta tanto do PT, por que não ajuda e se desfilia?’’, disse um petista próximo a Lula, segundo a edição deste sábado (22/08) do Jornal O Globo. A operação para tentar convencer Dirceu a se desfiliar é delicada. Há preocupação em não melindrá-lo, já que ele foi o homem forte do primeiro mandato de Lula. Procuradores acusam o ex-ministro de sistematizar a corrupção na Petrobras quando estava no governo, com o objetivo de financiar campanhas eleitorais e enriquecer.

No final do ano passado, o Diretório Nacional do PT aprovou resolução estabelecendo que expulsará filiados que comprovadamente tenham praticado corrupção. No dia seguinte à prisão de Dirceu, o presidente do partido, Rui Falcão, afirmou que as acusações contra ele são de “caráter pessoal”. A Executiva Nacional do PT decidiu não defender Dirceu em nota na qual apontou supostos abusos na Operação Lava-Jato.

Petistas ficaram alarmados com o depoimento em que Luiz Eduardo de Oliveira e Silva, irmão de Dirceu, afirmou ter recebido mesada de R$ 30 mil do lobista Milton Pascowitch entre 2012 e 2013.

Com informações do O Globo

IDA DOS FERREIRA GOMES PARA O PDT


IDA DOS FERREIRA GOMES PARA O PDT 22/08/2015

"Filiação dos FG é questão de dias"


Em reunião na Assembleia, grupo de Ciro, Cid e Ivo deu mais um passo para ingresso na legenda trabalhista.

Poucos detalhes separam os irmãos Cid, Ciro e Ivo Gomes, hoje no Pros, do ingresso oficial no PDT, do opositor Heitor Férrer. É o que afirma o pedetista Carlos Lupi, presidente nacional da legenda.

A ida para a sigla trabalhista só depende agora da resolução de pendências em dez municípios cearenses nos quais integrantes do Pros e do PDT são adversários.
A filiação deve se concretizar na primeira quinzena de setembro, avisou Cid, ontem, durante reunião com Lupi na Assembleia Legislativa (AL-CE).

Se ainda não houve anúncio definitivo da mudança de endereço partidário dos Ferreira Gomes, não é porque não há “interesse recíproco dessa junção”, garante o presidente do PDT no Ceará, André Figueiredo. Para Lupi, “é questão de dias a oficialização dessas filiações”. Embora mais contido, Cid reconhece: é provável “a ida ao PDT”.

Presidente da Câmara dos Vereadores de Fortaleza, Salmito Filho, também presente ao encontro na AL, reitera que o único empecilho à mudança são algumas pendências municipais. Essas questões, porém, já estariam sendo resolvidas em comissões criadas nas duas legendas. Na próxima sexta-feira, 28, outra reunião será realizada para discutir andamento dos trabalhos.

Expectativas

O reforço que a migração do clã garante ao PDT foi discutido no encontro. Comemorando a ida dos Ferreira Gomes para a agremiação, André Figueiredo afirma que, “entrando o grupo ligado ao Cid e ao Ciro, o PDT se torna o maior partido do Ceará”. De acordo com o pedetista, a presença dos irmãos faz parte de uma estratégia nacional do partido.

Isso garantiria, por exemplo, calibre para disputar um pleito presidencial. Roberto Cláudio (Pros), prefeito de Fortaleza, assegura que “há uma possibilidade real e concreta de uma candidatura à presidência de um cearense, seja o Ciro ou o Cid”.

Sobre a hipótese, Cid diz que o concorrente mais competitivo é Ciro, que não pôde comparecer à reunião porque estava viajando a trabalho.
O ex-ministro da Educação do governo Dilma admite que não se imagina candidato nos próximos anos.

Saiba mais

Deputados e vereadores aliados aos Ferreira Gomes contam com aprovação de “janela partidária”, na reforma política, para ingressar no PDT sem correr risco de perderem os cargos por infidelidade partidária.A medida ainda vai passar por duas votações no Senado Federal.

Caso não seja aprovada, Zezinho Albuquerque (Pros-CE), presidente da Assembleia Legislativa, afirma que isso não vai causar grandes problemas porque a diretoria nacional do Pros não tem dificultado a saída dos integrantes da sigla.

André Figueiredo, presidente do PDT no Ceará, afirma que, com a não-aprovação, “talvez alguns não venham, mas a grande maioria se colocou disposta a mostrar que tem motivos suficientes que justificam uma saída do atual partido para migrar ao PDT”.

CUIDADO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Mesmo sem denúncia do Pros, porém, parlamentares podem ser denunciados por suplentes ou pelo Ministério Público, segundo a legislação.

FORÇA SINDICAL: “AI, AI, AI, AGORA A DILMA CAI” E “CUNHA É MEU AMIGO, MEXEU COM ELE, MEXEU COMIGO”.

Racha no PMDB: Renan foi denunciado, mas não cobram sua saída, afirma Cunha

Denunciado pela Procuradoria-Geral da República, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse que tem “plenas condições” de comandar a Casa e comparou a sua situação com a de Renan Calheiros, presidente do Senado (PMDB-AL).

Renan foi acusado em 2013 de falsidade ideológica e suposta prática de peculato e agora também é investigado na Operação Lava Jato.

“Ninguém cobra a saída do Renan. Tem uma denúncia proposta pelo Supremo Tribunal Federal há dois anos e meio e até hoje não foi decidida. E eu acho que ele tem total condição de presidir o Senado”, disse Cunha.

A acusação de 2013 contra Renan trata de suspeitas de que uma empreiteira pagava pensão a uma filha que ele teve fora do casamento com a jornalista Mônica Veloso. O caso tramita até hoje no Supremo sob segredo de Justiça, sem decisão.

Nesta quinta-feira (20/08), a Procuradoria-Geral da República denunciou ao STF a primeira leva de políticos alvos da Lava Jato. Cunha foi acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro, sob a suspeita de ter recebido US$ 5 milhões em propina.

Mesmo denunciado, o peemedebista disse que não renunciará ao cargo de presidente da Câmara. Um grupo de deputados de diferentes partidos, liderados pelo PSOL, fará um manifesto pedindo o seu afastamento.

Nos bastidores, integrantes do governo e o comando do PT também desejam a saída de Cunha, que rompeu com o Planalto em julho, mas acham difícil que ela ocorra imediatamente. Para ministros, o governo passa a rivalizar com um “inimigo enfraquecido”, mas ainda muito influente na Câmara.

Cunha disse que o governo pode “perder as esperanças” de desestabilizá-lo e afirmou que não vai retaliar ”quem quer que seja”, mas alfinetou o governo. ”Quem provavelmente está fazendo esse movimento é quem deve estar preocupado com as consequências da minha atuação.”

Questionado se era uma referência ao andamento de um pedido de impeachment, respondeu: ”Não necessariamente”.

‘GUERREIRO’

Cunha participou nesta sexta de evento na Força Sindical, em São Paulo, onde foi recebido aos gritos de “Cunha, guerreiro do povo brasileiro”. “Não há uma única prova contra mim nas páginas da denúncia”, afirmou.

O peemedebista disse ser “muito estranho” que a denúncia contra ele tenha saído no mesmo dia em que ocorreram atos em defesa do governo em todo o país.

“É muito estranho que num dia em que tem evento daqueles que recebem dinheiro público, pão com mortadela […], querem achar que toda essa lama tenha que ir para o colo de alguém que não participou dela”, disse, afirmando que houve “truques de comunicação” para atingi-lo. “Graças a Deus a gente não tem pena de morte no Brasil”, completou Cunha. “Senão pediriam a minha morte [na denúncia].”

Integrantes da Força Sindical ecoaram o discurso do peemedebista, dizendo que ele é alvo de perseguição do PT e do Planalto. Gritavam: “Ai, ai, ai, agora a Dilma cai” e “Cunha é meu amigo, mexeu com ele, mexeu comigo”.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

ZEZINHO ANUNCIA ENCONTRO DE PREFEITOS

Zezinho anuncia encontro com prefeitos para discutir ida para o PDT


O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque, anunciou que a no dia 28 de agosto acontecerá na Assembleia um encontro com prefeitos e lideranças que estão propensos a trocarem o PROS pelo PDT. O objetivo, segundo Zezinho, é discutir as situações particulares em cada município.

Ele observa que durante a próxima semana cada caso estará sendo avaliado e discutido para que eventuais problemas possam ser solucionados. “No máximo são 10 municípios que estão nessa situação, num universo de 184 municípios não representa muita coisa”. Quando a possibilidade de represálias no caso de troca de partidos, Zezinho lembrou da possibilidade da abertura de uma janela eleitoral além do anúncio do PROS de que de não trará nenhuma dificuldade quanto a este assunto.

"ESSE NAMORO JÁ VIROU NOIVADO, MAS CASAMENTO.....SÓ NO PRÓXIMO MÊS"

Cid Gomes para o PDT: “Esse namoro já virou noivado, mas casamento… só no próximo mês”

unnamed (81)
Pose para a posteridade. Ou para o próximo partido, quem sabe…

“Esse namoro já virou noivado, mas casamento… só no próximo mês’”, afirmou o ex-governador Cid Gomes (Pros) sobre o nível de conversações que o seu grupo político trava com a cúpula do PDT.
As filiações só ocorrerão mês que vem.

Cid, Roberto Cláudio e parlamentares do Pros estão acertando alguns detalhes da burocracia partidária, num encontro também de congraçamento, no gabinete do presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (Pros), no qual participam Carlos Lupi, dirigente nacional do PDT, e André Figueiredo, dirigente estadual pedetista.

(Foto – Claudio Barata)

PRESIDENTE DO STF CUMPRE AGENDA EM FORTALEZA

Presidente do STF cumpre agenda em Fortaleza sob forte esquema de segurança

unnamed (82)
Lewandowski acompanha a primeira audiência de custódia no TJ/Ceará.

Um forte esquema de segurança foi montado para a visita do presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Ricardo Lewandowski. Ele está em Fortaleza para conferir o início dos trabalhos da Vara de Custódia, onde flagrantemente deverão contar com a presença de um juiz num prazo de 24 horas.

No Tribunal de Justiça, há cerca de 200 policiais militares garantindo a segurança e revistando a tudo e a todos. O clima no Judiciário cearense não anda muito bem, por conta de cortes financeiros e também porque os servidores do Poder já decidiram entrar em greve a partir de 1º de janeiro.

Ali, Lewandowski recebe a Medalha Clóvis Beviláqua, a mais alta comenda do Judiciário cearense, em ato comandado pela presidente do TJ, desembargadora Iracema do Vale , e com a presença de várias autoridades como o governador Camilo Santana.

De lá, Lewandowski, seguirá para o Palácio da Abolição onde receberá duas medalhas: a do Mérito Legislativo, das mãos do presidente do Poder Legislativo, Zezinho Albuquerque, e a do Mérito Cearense, das mãos de Camilo Santana. Depois, haverá almoço em torno do presidente do STF. No Abolição, também foi montado forte esquema de segurança.

(Foto – Bruno de Castro)

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

PARABÉNS AOS ORGANIZADORES DA FESTA

O Prefeito Gonçalo Diogo foi vaiado nas festas de agosto em Nova Russas, juntamente com os seus secretários e alguns vereadores da base que estavam no palco, principalmente a Secretária de Educação, mas com certeza ele tentou fazer o melhor.

Agora vem a Secretária de Educação descontar a vaia que o Prefeito Levou, em pleno parque da cidades, nos diretores do clube.

Estive na festa, só vi coisas boas,  pois é assim que me comporto e vejo quando vou para um lugar que me sinto bem.

Parabéns ao pároco local e sua equipe pela belíssima festa de fé e devoção a Nossa Senhora das Graças, parabéns ao Prefeito pelo que organizou e parabéns aos Diretores do Clube e colaboradores, como a doutora Alice Iracema, Clara Chaves entre outras, por reunirem vários Novarrussenses em um lugar agradável como foi a festa do CLUBE.

Veja abaixo comentário da Secretária de Educação do Município criticando a atual administração do Clube. 
  • GRÉMIO RECREATIVO NOVARUSSENSE: DESRESPEITO TOTAL AOS NOVARUSSENSES E VISITANTES. . CERVEJA QUENTE, RETIRADA DA CAIXA. CLUBE DO WISQUE. SÓ BEBIA-SE BEBIDA QUENTE.
    E OLHE QUE NEM GELO TINHA. FORAM BUSCAR DEPOIS.
    PAPEL HIGIÊNICO, NEM PENSAR.
    O PANO DE CHÃO, IMUNDO.
    É SÓ UMA FESTA POR ANO.
    PÁRA A GENTE SENTIR VERGONHA.
    QUE TAL OS PRESIDENTES QUE SÃO TÃO "CHIQUES" APRENDEREM A FAZER FESTA? CADÊ SUAS ESPOSAS? NÃO OPINAM? CADÊ OS ORGANIZADORES?
    NÓS MERECEMOS RESPEITO.
  • Zanja Marques Damasceno Fora uma tal de cerveja SERRANA que NUNCA ouvi falar na vida. Gosto horrível.
    3 · 23 h · Editado
  • Rosilene Salgueiro Gostei mulher valente...
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Todo mês tem evento no clube
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Pra quem é sócio meio salário mínimo
  • Ana Carlota Pedrosa Farias A cerveja tinha gosto de rapadura.
  • Silvana Mendes O Clube está ACABADO por falta de Gerência. Gerência e tudo.
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Preguiça de certos funcionários tb.
  • Luiza Veras Concordo com vc , tudo é verdade !
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Qd tem reunião de diretoria só chamam meia dúzia
  • Marcello Martins Uma pena neh Tia Silvana acontecer isso, me recordo tantas vezes que esperávamos as festas do Clube e eram ótimas e inesquecíveis... Mas como cidadã está corretíssima em desabafar, chega de tanta falta de respeito...
  • Wilson Luís Silvana Mendes é extremamente deplorável ver alguém que se diz educadora utilizar-se de baixas palavras e de inverdades. Será mesmo que de forma cortesã seria servido uma cerveja direto da caixa? O que me entristece no seu "desabafo", e que tem todo o ...Ver mais
    7 · 23 h
  • Cibelle Tavares A verdade tem que ser realmente dita! E por que não por uma educadora? Será que nossa classe não pode fazer um desabafo construtivo em redes sociais? Concordo plenamente com a Silvana Mendes! Quem faz festas tem que pensar nas pessoas que irá receber e como bem se colocou a Ana, é um ano para acontecer um evento desses e é imperdoável que não seja impecável!
    9 · 21 h
  • Silvana Mendes Não utilizei nenhuma palavra "baixa", e quanto a desabafar, sou educadora, e sou cidadã. Muitas e muitas vezes, já se falou sobre a bebida servida quente, e nunca, presidente nenhum deu jeito. Sugestão? ligar os congeladores, pois mesa de 120,00 reais, é para se receber muito bem as pessoas.
    5 · 10 h
  • Grêça V. Carvalho Peres Silvana Mendes Infelizmente, Nova Russas é a terra que podemos chamar de já teve. É por esta é outras razões que me faz distanciar de minha terra natal. As pessoas , algumas, só pensam nelas. Gostei de seu desabafo. Abrs.
    3 · 7 h
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Só se liga freezer qd tem... tenho conhecimento de que só tem um que só faz barulho e consome energia.
    2 · 7 h
  • Silvana Mendes Não é bem assim, Greça, Nova Russas tem crescido e se desenvolvido bastante. Ótimos comércios, lindas residências, cidade asfaltada é muito mais. Não se afaste de sua terra, é sempre uma alegria ao ver um munícipe voltar à nossa terra.
    3 · 5 h
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Concordo com a Silvana e até perguntei a Menilde por você. Agora quando estamos errados devemos reconhecer e procurar consertar. Esse problema da cerveja quente do clube tem quase uma década. E raro se tomar cerveja gelada la.
    2 · 5 h
  • Alice Iracema Melo Aragão Querida Silvana,
    Senti-me tocada a comentar a sua consideração a respeito da Festa do Reencontro do Grêmio Recreativo Novarussense, porque, apesar das nossas inúmeras atribuições, como todos que compõe a diretoria, também dou minha colaboração para o
    funcionamento daquela casa.
    Trago à colação esta narrativa sobre o tema:
    “ Numa ocasião, uma ilustre conferencista foi convidada a fazer uma preleção sobre a crítica.
    Num auditório lotado, retirou os livros e a jarra dágua sobre a mesa, deixando somente uma toalha branca.
    Acendeu poderosa lâmpada, enfeitou a mesa com dezenas de pérolas, várias flores frescas e perfumadas.
    Depois apanhou uma sacola diversos enfeites de expressiva beleza, e enfileirou-os com graça.
    Depositou na mesa um exemplar do Novo Testamento em capa dourada.
    Depois, diante do assombro de todos, depositou em meio aos demais objetos uma lagartixa, num frasco de vidro.
    Só então se dirigiu ao público perguntando:
    O que os senhores estão vendo?
    Muitos gritaram:
    Um bicho! Um lagarto horrível! Um pequeno monstro!
    A expositora considerou:
    Assim é o espírito da crítica destrutiva, meus amigos!
    Os senhores não enxergaram o forro de seda alva, que recobre a mesa.
    Não viram as flores, nem sentiram o seu perfume.
    Não perceberam as pérolas, nem as outras preciosidades.
    Não atentaram para o Novo Testamento, nem para a luz faiscante que acendi no início.
    Mas não passou despercebida, aos olhos da maioria, a diminuta lagartixa....
    Sorridente concluiu:
    Nada mais tenho a dizer....”

    É uma pena que você não percebeu a beleza dos acordes da música de boa qualidade que nos foi exibida...
    A graça da cadência harmônica dos casais que bailaram nos salões do Grêmio....
    Não sentiu a alegria de reencontrar um amigo que não o via há tempos....
    Não captou a energia revigorante dos abraços fraternos dos conterrâneos....
    Não foi capaz de constatar o capricho da decoração ofertada aos visitantes....
    Não observou a diligente atividade dos diretores para sanar, com presteza, as falhas ocorridas durante o baile, que somente no ano de 2005 recebeu esta quantidade de visitantes...
    É uma pena!
    Entretanto, a caravana do GREMIO RECREATIVO DE NOVA RUSSAS segue há sessenta anos, sob as bençãos do céu que caem por intermédio da Eleita do Deus de Israel, a Rainha das Graças, que também abençoa este Rincão do Brasil, e todas, todas as ovelhas deste redil.
    4 · 4 h
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Lindo seus texto CaL Alice, mas pra quem aprecia uma cerveja gelada e no calor que se apresentava naquele baile, infelizmente não justifica. Outra coisa: ouvi pessoas visitantes criticando a banda; que pra meus ouvidos até estava Boa....
    2 · 3 h
  • Ana Carlota Pedrosa Farias Mas vamos deixar pra la e esperamos que no próximo ano estejamos todos vivos, com saúde e que a festa do Reencontro não fique a desejar...
    2 · 3 h
  • Catarina Mendes Alice Iracema Melo Aragão. Vi a ornamentação. Estava muito bonita. Vi os abraços. O reencontro foi salvo. O repertório do conjunto, muito bom. Mas cantado aos gritos. Ninguém podia conversar. Como diz Ana Carlota Pedrosa Farias, o problema da bebida quente vem de longas datas.
    2 · 2 h
  • Silvana Mendes Tenho o maior respeito por você, querida Cema, achei lindo seu texto, vi tudo isso que você comentou, somente por isso, todo ano digo que nao vou à festa, e acabo me rendendo, porém, as falhas que citei são de sempre, são as de todo ano, podendo já terem sido sanadas há muito, permanecer no erro não se justifica. Sem falar no conjunto, que somos obrigados a ver o Fonseca Júnior todo ano. Já deu. Como diz o título de um livro, "Nada de novo no front".